Postagens

Proveito na piedade

Leitura Bíblica: Tito 1.1-4

Sabei, porém, que o SENHOR distingue para si o piedoso; o SENHOR me ouve quando eu clamo por ele (Sl 4.3).

A palavra “piedade” não é bem vista. Muitas pessoas a associam a pessoas fanáticas, que vivem afastadas da realidade em práticas e cerimônias estranhas. Estes podem até ter aparência de piedade, como disse Paulo a Timóteo, mas não a verdadeira piedade. “Tendo aparência de piedade, mas negando o seu poder. Afaste-se desses também” (2 Tm 3.5). Ser piedoso não tem nada a ver com ser um religioso esquisito.
Uma pessoa piedosa é aquela que tem compaixão de seu próximo e vive de acordo com a vontade de Deus. A piedade se manifesta no conhecimento de Deus através de uma vida de santidade. Pedro diz: “Que Deus com seu divino poder nos deu tudo de que necessitamos para a vida e para a piedade, por meio do pleno conhecimento de Deus” (2Pe 1.3). Portanto o conhecimento da verdade é que conduz à verdadeira piedade.
O Salmo 4.3 traz uma promessa muito interessante p…

Não por força

Leitura Bíblica: Salmo 44.1-3

Não por força nem por violência, mas pelo meu Espírito, diz o Senhor dos Exércitos (Zc 4.6).

Em nosso texto de referência vemos Zacarias comunicando a seguinte mensagem de Deus a Zorobabel: “Não será por meio de um poderoso exército nem pela sua própria força que você fará o que tem de fazer, mas pelo poder do meu Espírito. Sou eu, o SENHOR Todo-Poderoso, quem está falando” (Zc 4.6 NTLH). Este versículo nos ensina uma grande verdade. Não podemos basear nossa vida em nossos recursos e força, mas no agir poderoso de Deus. Nossa força é inconstante, o poder de Deus é imutável e ilimitado.
Em uma mensagem do Cada Dia encontrei 4 exemplos disto: A conquista de Jericó, a história de Gideão, Elias e o fogo no altar e a pesca de Jesus com os discípulos. O texto dizia: “Vemos isto na conquista de Jericó. Não foram as forças armadas de Israel que fizeram com que as muralhas caíssem. O Senhor foi quem entregou a cidade em suas mãos quando os sacerdotes tocaram as trom…

Dizendo sim e não

Leitura Bíblica: 2 Samuel 9.7-8

Agora, se quiserem mostrar fidelidade e bondade a meu senhor, digam-me; e, se não quiserem, digam-me também, para que eu decida o que fazer (Gn 24.49).

A apresentadora Oprah disse certa vez: “Estava tão ocupada tentando dar tudo o que as pessoas exigiam de mim que perdi o contato com aquilo que eu tinha um desejo genuíno de dar. Havia sido consumida pelo desejo de agradar e muitas vezes a palavra sim saia da minha boca sem que eu me desse conta”.
Muitos se acostumam em fazer as coisas apenas porque querem agradar os outros. Não conseguem dizer não, com medo de ofender alguém. Passam a ajudar os outros, não porque eles precisam, mas porque não querem que ninguém pense que são uma má pessoa. A sua ação passa a ter uma segunda intenção. Acabam com isso deixando de fazer o que realmente deviam fazer, deixando até de ajudar quem realmente precisa. Se sobrecarregam fazendo tantas coisas que demandam uma energia maior do que deveriam. Isto pode gerar um grande m…

Santidade Prática

Leitura Bíblica: Romanos 8.6-11

Pois aqueles que de antemão conheceu, também os predestinou para serem conformes à imagem de seu Filho, a fim de que ele seja o primogênito entre muitos irmãos (Rm 8.29).

Muitos buscam sucesso, outros querem apenas ter uma boa condição financeira, mas o maior privilégio que podemos ter na vida é desfrutar da presença de Deus através de uma vida de santidade. Caminhar em santidade é desfrutar de paz, é poder respirar sentindo o coração batendo tranquilamente, é ter uma mente saudável, sonhos puros. Ter santidade é poder realizar a vontade de Deus, poder praticar os ensinos de Jesus. Ser santo é ser livre para fazer o bem sem segundas intenções. J. C. Ryle, em seu livro Santidade: Sem a qual ninguém verá ao Senhor, afirma: “A verdadeira santidade, jamais devemos esquecer, não consiste meramente em sensações e impressões internas. Ela envolve muito mais do que lágrimas, suspiros e demonstração física, um pulso acelerado e um apego apaixonado aos nossos prega…

Sábio e tolo

Leitura Bíblica: Provérbios 12.15-20

Se algum de vocês tem falta de sabedoria, peça-a a Deus, que a todos dá livremente, de boa vontade; e lhe será concedida (Tg 1.5).

Nunca se viu tanta gente sábias, como em nossos dias. Basta qualquer assunto ser compartilhado nas redes sociais que em alguns segundos aparecem várias pessoas acrescentando conteúdo, concordando, corrigindo, falando sobre o assunto. Mas será que esta gente que sabe é realmente gente sábia?
Tenho aprendido que, na maioria das vezes, quem faz questão de mostrar-se sábio é quem menos sabe. São apenas arrogantes e ousados em acreditar que sabem tudo, ou quase tudo. 
Na psicologia isso é chamado efeito Dunning-Kruger. Termo que define pessoas que acreditam que sabem tudo. “Refere-se a uma distorção cognitiva na qual pessoas inexperientes tendem a superestimar-se em termos de seu conhecimento, estão confiantes em transformar suas opiniões pessoais em fatos irrefutáveis. A ignorância é tão descarada que acha que possui conhecim…

Viva com piedade

Leitura Bíblica: Salmo 4.1-3

O exercício físico é de pouco proveito; a piedade, porém, para tudo é proveitosa, porque tem promessa da vida presente e da futura (1Tm 4.8).

Davi, passando por perseguição, encontra conforto em Deus. Ele sabe que obterá vitória contra seus ímpios inimigos. Davi diz: “O Senhor distingue para si o piedoso; o Senhor me ouve quando clamo” (Sl 4.3).
Acredito que muitos não entendem bem o que é piedade. Como diz um texto extraído do Devocional Boa Semente: “A palavra piedade não é bem vista. Para a maioria ela lembra práticas devotas de pessoas que não têm os pés no chão. É comum chamar desejos irrealizáveis de votos piedosos. De fato, vivemos em uma sociedade marcada pelo cristianismo; porém as multidões se contentam com algumas formas e cerimônias de pouca valia ou totalmente inúteis. No entanto, a genuína piedade é a virtude mais rara que se possa encontrar na terra. Ela se oculta, misteriosa embora ativa, no coração dos servos fiéis a Jesus Cristo. Quem são ta…

Perfeita liberdade

Leitura Bíblica: Gálatas 5.13-15

Vivam como pessoas livres, mas não usem a liberdade como desculpa para fazer o mal; vivam como servos de Deus (1Pe 2.16).

Estamos livres da lei no que se refere a depender dela para obter salvação. Este é o ensino bíblico que diz que o fim da lei é Cristo (Rm 10.4). Em Cristo temos salvação. Ele pagou o preço de nosso perdão. Isto não tem nada a ver com a liberdade da libertinagem. Nossas boas obras não são suficientes e nem têm o propósito de garantir um lugar no céu. Mas nossas boas obras demonstram que fomos salvos e que estamos no caminho da verdade. Somos livres do pecado para ter uma nova vida que se renova dia a dia. Em Cristo somos livres da lei, mas ainda temos como propósito de vida andar nos caminhos de Deus, vivendo em obediência a sua Palavra. Jowett comentou que “não há área onde aqueles que não têm lei são livres. Seja qual for a direção para onde queremos ir, precisamos aceitar sujeição se queremos encontrar a liberdade. Um músico precisa…

Perseverança e disciplina espiritual

Leitura Bíblica: 1 Coríntios 9.24-27

Exercite-se na piedade (1Tm 4.7).

Donald Whitney conta uma ilustração de um jovem chamado Kevin, de dezesseis anos, cujos pais o matricularam em aulas de música. Depois da aula, toda tarde, ele se assentava desanimado na sala de estar e tocava um violão enquanto via seus colegas, na rua, jogando beisebol. Ele diz que um dia, Kevin foi visitado por um anjo, que o pegou e o levou ao Carnagie Hall. Kevin testemunhou a apresentação de um grande violonista no palco. Ficou admirado com a habilidade do homem e a beleza de sua performance. Finalmente, o anjo perguntou: “O que você achou, Kevin?” Ele respondeu: “Uau!” Repentinamente, eles se acharam de volta à casa de Kevin. O anjo lhe disse: “Aquele músico maravilhoso que você viu é você mesmo daqui a quinze anos”. E acrescentou: “Mas somente se você praticar”! Justin Taylor conta e comenta esta história dizendo: “Ora, ele tivera uma visão, um propósito para sua disciplina diária. A prática poderia ser difí…

Por meio de mim

Leitura Bíblica: Lucas 10.1-6

Anunciem a sua glória entre as nações (1Cr 16.24a).

James Hudson Taylor foi um missionário inglês na China, onde viveu por 51 anos. Este grande homem de Deus é pouco conhecido hoje, até mesmo pelos evangélicos. “Seu nascimento foi em 21 de maio de 1832 em Barnsley, Yorkshire, Inglaterra. Morreu em 3 de junho de 1905 (73 anos) em Changsha, Hunan, China. Fundador da China Inland Mission, em 1865, missão que continua até hoje com o nome OMF International. A sociedade que ele iniciou foi responsável pelo envio de mais de 800 missionários ao país, que começaram 125 escolas e diretamente resultou na conversão cristã de 18.000 pessoas, também como no estabelecimento de mais de 300 estações de trabalho com mais de 500 colaboradores locais em todas as dezoito províncias. Taylor era conhecido por sua sensibilidade à cultura chinesa e zelo pelo evangelismo. Ele adotou a prática de usar roupas nativas da China mesmo quando isso era raro entre os missionários da época. …

Como um rio

Leitura Bíblica: João 3.16-21

Os mandamentos do Senhor são límpidos, e trazem luz aos olhos (Sl 19.8b).

Barry Stevens, em seu livro Não apresse o rio, diz: “O rio corre sozinho, vai seguindo seu caminho. Não necessita ser empurrado. Para um pouquinho no remanso. Apressa-se nas cachoeiras. Desliza de mansinho nas baixadas. Precipita-se nas cascatas. Mas, no meio de tudo isso, vai seguindo seu caminho. Sabe que há um ponto de chegada. Sabe que seu destino é para a frente. O rio não sabe recuar. Seu caminho é seguir em frente. É vitorioso, abraçando outros rios, vai chegando no mar. O mar é sua realização. É chegar ao ponto final. É ter feito a caminhada. É ter realizado totalmente seu destino”. Barry faz a seguinte comparação: “A vida da gente deve ser levada do jeito do rio. Sem apressar e sem represar. Sem ter medo da calmaria e sem evitar as cachoeiras. Interessa saber que há um ponto de chegada e saber que se vai chegar lá”.
Realmente a vida é como um rio. Muitos caminhos e desafios. D…