O que é belo?

Leitura Bíblica: Isaías 5.18-21

Cruel é o furor, e impetuosa, a ira, mas quem pode resistir à inveja? (Pv 27.4)


Sue Monk Kidd conta a seguinte história: Aconteceu num dia em que estava com minha filha no zoológico. Vi uma avó com uma garotinha cujo rosto era salpicado de sardas vermelhas e brilhantes. As crianças estavam esperando numa fila para que um artista pintasse suas faces com patinhas de tigre. Você tem tantas sardas que ele não vai ter onde pintar – um menino gritou na fila. Sem graça, a menininha abaixou a cabeça. A avó ajoelhou-se perto dela e disse: Adoro suas sardas. Mas eu detesto - ela replicou. Quando eu era menina, sempre quis ter sardas – disse a senhora, passando o dedo pela face da neta – Sardas são tão bonitas! A menina levantou o rosto: São mesmo? Claro – disse a avó – Quer ver? Me diga uma coisa mais bonita que sardas. A garotinha, olhando para o rosto sorridente da senhora, respondeu suavemente: Rugas. Sue comenta: “Aquele momento me ensinou para sempre que, se olharmos para os outros com os olhos do amor, não veremos o que possam ter de feio. Apenas o que têm de bonito”.

Temos visto diariamente pessoas criticando outras sem necessidade, sem motivo. Isso porque olham com olhos de ódio. Precisamos tomar cuidado para não entrar nessa onda de pessimismo, de troca de farpas, da busca em analisar o que o nosso próximo tem de feio. 

Olhos de amor são importantes e devem abranger todos os nossos atos, tanto em relação ao próximo como também em relação a praticar melhores atitudes. Precisamos pedir a Deus um coração puro que enxergue a necessidade de realizar as verdadeiras boas obras. Nossos desejos muitas vezes nos traem nos fazendo chamar de bonito o que é feio. Ao mesmo tempo desprezamos coisas belas e importantes. Muitos não dão valor aos ensinos de Deus e preferem viver baseados em sua ética e sabedoria humana. Que seja a nossa oração: “Desvenda os meus olhos, para que eu contemple as maravilhas da tua lei” (Sl 119.18).


Encontre a verdadeira beleza. 

Comentários

Postar um comentário

Sua opinião é importante.